O fim do papel moeda

Com a facilidade para realizar pagamentos e transações financeiras por meios eletrônicos, seja em máquinas de cartão de crédito/débito, seja pelo celular, fica a pergunta: precisamos mesmo de cédula?

Foi o que pensou o governo da Dinamarca em 2015, propondo acabar com a circulação de papel moeda até 2016. A medida é uma solução para cortar consideráveis custos administrativos mas foi pensada também de acordo com os hábitos da população. Isso porque segundo a Comissão de Pagamentos do país, todos os adultos possuem cartão de crédito/débito e desde os anos 90 os pagamentos utilizando dinheiro físico caíram incríveis 90%.

Esses dados contribuíram para que o Banco Central Dinamarquês parasse de imprimir notas e produzir moedas. Também contribuíram para que muitos bancos deixassem de armazenar dinheiro. Apenas zeros e uns.

Não muito longe dalí, na Suécia, a tendência econômica também passou a ser seguida. Em algumas bancas de jornais, cinemas e bares o cartão de crédito passou a ser obrigatório e em alguns lugares nem são aceitos mais moedas e notas. Até mesmo alguns ônibus por lá recusam dinheiro.

Outro país que decidiu adotar a idéia foi o Equador. Além das reformas financeiras para acabar com a farra dos banqueiros, desde 2014 o país colocou em prática um sistema de dinheiro eletrônico. Se baseano em no fato de que nem todos no país tinham um conta bancária mas todos tinham um celular, foi feito um sistema de transferência financeira através do uso de aparelhos celulares.

Sem haver necessidade de internet, é possível abrir uma conta discando *153#, a partir de então as transações podem ser realizadas através do uso de mensagens.

Apesar de parecer uma idéia revolucionária e aparentar diminuir os custos, há alguns interesses por trás dessas medidas: na Dinamarca, colocar seu dinheiro no banco custa 0.75% em juros. A idéia é evitar essa taxa investindo ou gastando o dinheiro, afim de movimentar a economia local. Com isso percebe-se que é uma medida do Estado controlar a economia.

Essa idéia também chegou ao Brasil, havendo inclusive uma audiência pública para um projeto de lei que extinguisse o dinheiro em espécie no país.

 

3 opiniões sobre “O fim do papel moeda”

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s